Páginas

sábado, 25 de fevereiro de 2012

DEUS PROCURA HOMENS QUE...

http://blogdoale.com/wp-content/uploads/2009/08/stockxpertcom_id683316_jpg_eaa45d8e2362796419dc9c366ea221501.jpg
1. TENHAM FÉ, COMO NOÉ

"Pela fé Noé, quando avisado a respeito de coisas que ainda não se viam, movido por santo temor, construiu uma arca para salvar sua família. Por meio da fé ele condenou o mundo e tornou-se herdeiro da justiça que é segundo a fé" - Hebreus 11. 7 (NVI)

A fé impulsiona diferentes pessoas para diferentes coisas. Noé construiu uma arca e escapou a um horrendo julgamento. A fé nos impelirá a fazer algo que será o cumprimento da vontade de Deus a nosso respeito, pois nossas missões, que são ímpares para cada um de nós, exigem uma expressão ímpar de fé. Além disso, as responsabilidades individuais e os diferentes deveres do dia a dia,exigem uma manifestação especial de fé. (NTI)

O Novo Testamento também declara que Noé não somente era justo, como também pregador da justiça (2 Pedro 2.5). Nisso, ele é exemplo do que os pregadores devem ser. (BEP)



2. SEJAM OBEDIENTES, COMO ABRAÃO


"Pela fé, ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado, sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. - Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dos mortos o ressuscitar" - Hebreus 11.17-18. (ARC)

A fé e a obediência são inseparáveis entre si, assim como também são inseparáveis a incredulidade e a desobediência. (BEP)

A obediência de Abraão certamente sacrificaria todo o seu bem-estar. Não fora Deus a fazer a intervenção, o plano teria sido executado. A literatura judaica alude a esse acontecimento como o último e mais severo dos dez testes apresentados a Abraão (Ver Pirke Aboth 5:4). A fé foi o fator que levou à vitória, nos nove primeiros testes, menos severos; e também foi o fator para obtenção da vitória no teste mais severo de todos; a fé conferiu a Abraão seu melhor momento de obediência. (NTI)

3. SEJAM HUMILDES, COMO MOISÉS


"Vá, pois, agora; eu o envio ao faraó para tirar do Egito o meu povo, os israelitas. - Moisés, porém, respondeu a Deus: “Quem sou eu para apresentar-me ao faraó e tirar os israelitas do Egito?” - Deus afirmou: “Eu estarei com você. Esta é a prova de que sou eu quem o envia: quando você tirar o meu povo do Egito, vocês prestarão culto a Deus neste monte” - Êxodo 3. 10-12. (NVI)

Moisés não era apenas Moisés; ele era o Moisés em quem Deus estava cumprindo o Seu propósito. Esse é um segredo universal de homens verdadeiramente grandes: A HUMILDADE.

Eles são capacitados mediante a presença e o poder divino. O projeto era de Deus, e não de Moisés. Moisés seria apenas um instrumento. Naturalmente, suas habilidades naturais e seu conhecimento seriam usados no plano. Ele não seria apenas uma marionete. (ATI)

4. SEJAM VALOROSOS, COMO GIDEÃO


"Então, o Anjo do SENHOR veio e assentou-se debaixo do carvalho que está em Ofra, que pertencia a Joás, abiezrita; e Gideão, seu filho, estava malhando o trigo no lagar, para o salvar dos midianitas. - Então, o Anjo do SENHOR lhe apareceu e lhe disse: O SENHOR é contigo, varão valoroso" - Juízes 6.11-12. (ARC)

Certamente, o “SENHOR” (verso 14), e o “anjo do SENHOR” (verso 12), são a mesma pessoa aqui neste caso. Os teólogos chamam essa forma de manifestação divina, de “teofania”, i.e., uma manifestação de Deus em forma física. Todos que, como Gideão, procuram com toda dedicação servir a Deus terão a presença atuante e dinâmica de Deus com eles. Aos crentes do NT, o próprio Senhor Jesus fez esta promessa (Mateus 28.19-20). (BEP)

5. SEJAM SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS, COMO DAVI


“...O SENHOR não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o SENHOR vê o coração”. - ...Então o SENHOR disse a Samuel: “É este! Levante-se e unja-o”. - Samuel apanhou o chifre cheio de óleo e o ungiu na presença de seus irmãos, e, a partir daquele dia, o Espírito do SENHOR apoderou-se de Davi. E Samuel voltou para Ramá" - I Samuel 16.7b, 12b e 13. (NVI)

“...o Senhor vê o coração...” O homem vê a aparência de uma pessoa ou coisa, e assim faz julgamentos precipitados. Mas Deus vê a realidade do homem ou coisa, e faz um juízo verdadeiro. É freqüentemente verdadeiro que as aparências enganam. Os homens são facilmente enganados e atos tolos ocorrem por causa de decepções. (ATI)

“...levante-se e unja-o....” Já em tenra idade, Davi cultivava um coração voltado para Deus como seu pastor espiritual (ver Salmo 23). Samuel não deveria olhar para a aparência infantil de Davi, mas deveria ungí-lo para ser o próximo rei de Israel, em cumprimento à vontade soberana de Deus, por tudo aquilo que Deus viu naquela menino e dele se agradou. (BEP)

(1) "...o Espírito do Senhor apoderou-se de Davi...” Multiplicou-se a capacidade de Davi (17. 33-37);
(2) Aumentou-se-lhe a inteligência e a perspicácia (17.34-36 e 49-50; 18. 5). (BS)

“O efeito da descida do Espírito do Senhor sobre Davi foi que o jovem pastor cresceu para tornar-se um herói, um estadista, um erudito, um sábio, um rei de profunda visão”. (Ellicott, in loc.). (ATI)

6. SEJAM ÍNTEGROS, COMO JÓ


"Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; e este era homem sincero, reto e temente a Deus; e desviava-se do mal" - Jó 1.1. (ARC)

Nunca darei razão a vocês! Minha integridade não negarei jamais, até a morte. - Manterei minha retidão, e nunca a deixarei; enquanto eu viver, a minha consciência não me repreenderá - Jó 27.5-6. (NVI)

(1) O temor de Deus e o desviar-se do mal são o fundamento da vida irrepreensível e da retidão de Jó (cf. Provérbios 1. 7). “Sincero” refere-se a integridade moral de Jó e à sua sincera dedicação a Deus; “reto” denota retidão nas palavras, nos pensamentos e atos.
(2) Esta declaração da retidão de Jó é reafirmada pelo próprio Deus no Capítulo 1.8 e no 2.3 onde, claramente, se vê que Deus, pela sua graça, pode redimir os seres humanos caídos, e torná-los genuinamente bons, retos e vitoriosos sobre o pecado. (BEP)

7. PREGUEM E SOFRAM PELO NOME DE JESUS, COMO PAULO


"Mas o Senhor disse a Ananias: “Vá! Este homem é meu instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e seus reis, e perante o povo de Israel. - Mostrarei a ele o quanto deve sofrer pelo meu nome”. - Então Ananias foi, entrou na casa, pôs as mãos sobre Saulo e disse: “Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que lhe apareceu no caminho por onde você vinha, enviou-me para que você volte a ver e seja cheio do Espírito Santo” - Atos 9. 15 a 17. (NVI)

“...instrumento escolhido...” “Um vaso escolhido, selecionado. O genitivo de qualidade é muito comum no idioma hebraico, como também no grego “koiné” vernáculo. O Senhor Jesus escolheu a Saulo, antes deste ter escolhido ao Senhor Jesus. E o próprio Paulo, já apóstolo, sentia-se ser um vaso de barro indigno de encerrar tão grande tesouro (ver II Coríntios 4. 7). (NTI)

“...sofrer pelo meu nome...” A conversão de Paulo incluiu não somente uma ordem para pregar o evangelho, mas também uma chamada para sofrer por amor a Cristo. Paulo foi informado desde o início que ele sofreria muito pela causa de Cristo. No reino de Cristo, sofrer por amor a Ele é um sinal do mais alto favor de Deus (Mateus 5. 11, 12; Romanos 8. 17; II Timóteo 2. 3). A morte precisa atuar no crente para que a vida de Deus flua dele para os outros (Romanos 8. 17, 18, 36, 37; II Corínitos 4. 10-12). (BEP

Pr. João da Cruz Parente


E-mail: prparente@hotmail.com


http://www.sitedopastor.com.br/mensagens/deusprocura.htm 

BIBLIOGRAFIA UTILIZADA


Bíblia - Almeida Revista Corrigida (ARC)

Bíblia - de Estudo Pentecostal (BEP)

Bíblia - Nova Versão Internacional (NVI)

Bíblia - de Estudo Shedd (BS)

Novo Testamento Interpretado (NTI)

Antigo Testamento Interpretado (ATI) 





segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

O grande sacríficio de uma mãe!



Esta é uma verdadeira história de sacrifício de uma mãe durante o terremoto no Japão.

Depois que o terremoto se acalmou no Japão, quando os socorristas chegaram às ruínas da casa de uma jovem mulher, viram o seu corpo através das rachaduras. Mas a pose era de algum modo estranha. Ela ajoelhou-se sobre os joelhos como uma pessoa que estava adorando, se corpo estava debruçado para a frente, e suas duas mãos estavam apoiando um objeto. A casa desabou caiu nas costas e na cabeça da jovem mulher matando-a.

Com muitas dificuldades, o líder da equipe socorrista colocou a mão através de uma fenda na parede para alcançar o corpo da mulher. Ele estava esperando que esta mulher poderia ainda estar viva. No entanto, o corpo frio e duro disse-lhe que ela tinha morrido com toda certeza. Ele e o resto da equipe deixaram aquela casa e estavam indo para procurar sobreviventes no prédio ao lado que havia desabado.

Por algumas razões, o líder da equipe foi impulsionado por uma força irresistível, voltou para a casa em ruínas da mulher morta. Novamente, ele ajoelhou-se e usou sua mão introduzindo-a através das rachaduras estreitas para pesquisar o pouco espaço debaixo do corpo morto. De repente, ele gritou com entusiasmo: “Uma criança! Há uma criança! “ Toda a equipe trabalhou em conjunto;  eles removeram cuidadosamente as pilhas de objetos das ruínas em volta da mulher morta.

Para surpresa e alegria de todos, havia um menino de 3 mesesde idade enrolado em um cobertor florido sob o corpo morto de sua mãe. Obviamente, a mulher tinha feito um último sacrifício para salvar seu filho. Quando sua casa estava caindo,ela usou seu corpo para fazer uma capa para proteger seu filho. O menino ainda estava dormindo pacificamente quando o líder da equipe o pegou e o resgatou.

O médico chegou rapidamente para examinar o menino. Depois ele abriu ocobertor, e viu um telefone celular dentro do cobertor. Havia uma mensagem de texto na tela que dizia : ”Se você pôde sobreviver, você deve se lembrar que eu te amo.” Este celular foi passando em torno de uma mão para outra. Todo corpo de socorrista leu a mensagem e choraram. “Se você pôde sobreviver, você deve se lembrar que eu te amo.” Tal é o amor da mãe por seu filho, muito mais é o amor de Deus por cada um de nós.

Jesus Cristo também na Cruz, suportou em seu corpo, todo o peso do Juízo divino. Ele foi moído pelos nosso pecados. Ele Jesus nos protegeu de tal maneira que ficamos livres da condenação e da morte eterna. Ele morreu como nosso substituto. Morreu em nosso lugar para termos vida em abundância.

Ficou registrado uma mensagem para todos nós: “Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu Filho Unigênito, para que todo aquele que Nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna” (Jo 3.16).

Viver ou perecer? Depende de como iremos reagir diante da graça (favor imerecido) de Deus, manifestada a todos os seres humanos através do Cálvario.

Adaptado de Marjori Vendramini

Fonte: Base Missionária / Portal Padom

Sapatos & Amigos





http://3.bp.blogspot.com/_aDEmAerHmnE/TUfny3MWF5I/AAAAAAAAAvg/ttOguETu5bg/s1600/sapato.jpg


Uma senhora entrou na loja disposta a pagar qualquer preço por um sapato novo, bonito e confortável. Experimentou um, calçou outro, e nada. Quando calçava bem, não era bonito. Se era bonito, não era confortável.


Mesmo os modelos mais caros não agradavam, sempre faltava alguma coisa. Após experimentar uma enorme pilha, finalmente encontrou aquele que procurava.Macio, confortável e de modelo muito bonito.


-Achei! Quanto custa?- perguntou.

-Nada madame, esse já está pago - respondeu o vendedor - esse a senhora estava calçando quando entrou na loja. É o seu!


Estava tão novinho, macio e confortável que não parecia ser seu velho sapato. Sem saber o que dizer, constrangida, despediu-se do vendedor.

Quantas vezes, nos dispomos a pagar qualquer preço por um amigo alegre e jovial, que saiba cantar e tocar, e que esteja sempre disposto a nos acompanhar no clube, nas festas, enfim, o amigo de todos os momentos.

Nessa ansiosa procura experimentamos pilhas de desilusões e não percebemos que bem pertinho de nós está alguém que já se amoldou tanto ao nosso modo de viver que parece nem existir. Ouve, aceita, caminha conosco.

Protege os nossos passos e o tratamos com descaso, como aquele calçado que usamos todos os dias e não cuidamos sequer de sua aparência. Nada de graxa protetora, nem ao menos um paninho úmido.

No entanto, na hora da desgraça, na angústia e na doença, ele não desaparece e ressurge como um anjo salvador, brotando de baixo daquela enorme pilha de falsos amigos.

A teoria diz que os melhores calçados são aqueles de maior custo, mas a prática mostra que os melhores amigos são aqueles que recebemos gratuitamente.

A verdadeira amizade, mesmo após muitos anos de uso, parece sempre nova.

Alguns pequenos arranhões são facilmente reparados com uma escova de brilho. Algumas escovadinhas e reaparece o brilho do respeito e da compreensão. Reaparece o brilho do perdão.


Autor: Jorge Lorente

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Fionas do Rei

http://2.bp.blogspot.com/-Xf3cdgZUkTE/TdZiToyMcuI/AAAAAAAAAp8/fZTVKDBYYjE/s1600/fiona.jpg

"Sempre ouvi que eu sou uma princesa.
E sempre acreditei que um dia, o tal príncipe encantando apareceria.

Até que um dia ele apareceu.
então ele olhou para a princesa que estava ao meu lado. Porque ela sim era uma princesa. Se vestia e se comportava como tal.

Eu, obviamente, estava longe de ser uma.

Tenho conciência de quem sou. Eu não tenho cabelão, olho claro. Eu não tenho corpo de modelo ou aquele corpão idealizado por muitos homens. Eu não vivo maquiada. De vez em quando, sim. Mas o tempo todo não. Eu não vivo na academia. Eu detesto batom. E detesto salto alto.
E fora tudo isso, eu ainda sou desastrada.
Não sei ser delicada, meiga. Não sei ser patricinha.
Se tudo isso é ser princesa, eu definitivamente estou longe de ser uma!


Sempre me achei uma verdadeira Fiona.
E a mídia sempre me disse que sou uma ogra. Pois não me pareço em nada com modelos de revistas ou com as atrizes lindas. Não me pareço em nada com o que o mundo considera "bonito".  Não sigo as dietas malucas encontradas em revistas. 


Não tenho cintura tamanho 32.
Mas tenho um coração tamanho gigante. Não sei amar alguém pelo corpo que a pessoa tem, pela sua beleza exterior ou pelo seu status. Só sei amar alguém, pelo seu coração.

Até o dia que o meu Criador me falou:

"Você tem razão! Você não é uma princesa. Pelo menos não do jeito que o mundo quer que você seja! Mas você é a MINHA princesa. Não qualquer uma, mas você é princesa porque é filha do Rei do universo. Não importa o que os outros digam ou o que você mesma diga. A sua beleza não é aquela que as pessoas enxergam, mas a sua beleza está em seu coração. Sabe aquela passagem da mulher virtuosa, minha filha? Eu escrevi para você! Eu escrevi pensando em você. Você é assim, porque EU criei você!

E o príncipe encantado? Ah, ele não existe!
O verdadeiro Príncipe foi o mais amoroso de todos: deu a Sua vida por mim."

"A formosura é uma ilusão, e a beleza acaba, mas a mulher que teme ao Deus Eterno será elogiada." Pv 31:30


Escrito por Pati Geiger em 27/03/2011

http://ideiasnoforno.blogspot.com/2011/05/fionas-do-rei.html

NÃO FIQUE JULGANDO NINGUÉM NO CARNAVAL!



http://1.bp.blogspot.com/-2tImzjbME4o/TsQGRF_2RiI/AAAAAAAAAQg/C3sCRX-yPdY/s1600/Julgar.gifOntem já começaram os festejos de Carnaval por todo Brasil. Então, quero que você preste bem atenção ao que vou dizer hoje. Mas antes, um pouco de história não nos fará mal nenhum.

O carnaval é considerado uma das festas populares mais animadas e representativas do mundo. Tem sua origem no passado, onde as pessoas jogavam uma nas outras, água, ovos e farinha. O período do Carnaval era marcado pelo "adeus à carne" ou "carne vale" dando origem ao termo "Carnaval".

Durante o período do Carnaval havia uma grande concentração de festejos populares. Em geral, o Carnaval tem a duração de três dias, os dias que antecedem a Quarta-feira de Cinzas. O carnaval acontecia num período anterior à Quaresma e, portanto, tinha um significado ligado à liberdade. Este sentido permanece até os dias de hoje no Carnaval. Em contraste com a Quaresma, tempo de penitência e privação, estes dias são chamados "gordos", em especial a terça-feira. É por isso que essa festa também ficou conhecida como a Festa da Carne.

Pois bem, se você pensa que eu agora vou criticar ou julgar aos que estão participando desta festa hoje, engana-se! E sabe por quê?

O apóstolo Paulo deixou uma coisa bem clara para todos nós cristãos: “Pois com que direito haveria eu de julgar os de fora? Não julgais vós os de dentro? Os de fora, porém, Deus os julgará.” (1 Coríntios 5:12-13).

Não sou eu quem julgará as atitudes daqueles que não temem a Deus. Isso cabe somente a Deus. O que eles fazem ou deixam de fazer ficará entre eles e o Senhor.

Fico extremamente chateado quando vejo e ouço pessoas que se dizem cristãs orando para que Deus mande muita chuva e impeça os desfiles de Carnaval. Pior ainda é ver outros com um certo “sorrisinho” quando tragédias acontecem nas grandes cidades nessa época do ano e proclamando sem piedade que isso são “os juízos de Deus”. Elas esquecem que Deus não tem prazer na morte de NINGÚEM!

São pessoas que agem com infantilidade e sem amor e compaixão como Tiago e João agiram quando quiseram orar para que fogo do céu caísse sobre os samaritanos que não queriam ouvir a mensagem de Jesus.


Agora, quando atitudes carnais são vivenciadas no meio daqueles que se dizem “povo de Deus”, então sim, devemos exortar as pessoas que estão cometendo esses atos para que busquem o arrependimento.
Mas, gostaria de compartilhar algo que me deixa muito mais triste do que a festa do Carnaval praticada pelos que não conhecem a Deus.

O que mais me deixa triste são as atitudes de certas pessoas que se dizem cristãs, mas que vivem sisudas, fechadas, sem nenhum sorriso no rosto. Pessoas que nunca parecem estar alegres ou que pensam que a alegria ou o riso não podem fazer parte da vida cristã. Pessoas que pensam que santidade e seriedade são as mesmas coisas. Pessoas que não celebram a vida e nem as bênçãos que Deus nos concede. Pessoas que colocam um adesivo no seu carro dizendo “SORRIA, JESUS TE AMA!”, mas que parecem elas mesmas estarem sempre emburradas com a vida e com os outros. E ainda ficam bravos quando são chamados de “crentes chatos”!

Essas pessoas me deixam profundamente tristes. Estude a Bíblia e veja quantas Festas o Senhor ordenou que o Seu povo celebrasse lembrando sempre da Sua bondade. Celebrar a vida é uma das ordens que mais percebemos dentro da Palavra de Deus.

“Vai, pois, come com alegria o teu pão e bebe gostosamente o teu vinho, pois Deus já de antemão se agrada das tuas obras. Em todo o tempo sejam alvas as tuas vestes, e jamais falte óleo sobre a tua cabeça. Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias da tua vida fugaz, os quais Deus te deu debaixo do sol; porque esta é a tua porção nesta vida pelo trabalho com que te afadigaste debaixo do sol. Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque no além para onde tu vais, não há obra, nem projetos, nem conhecimento, nem sabedoria alguma.”
Eclesiastes 9:7-10

Prestou atenção? Salomão deixou bem claro que a vida foi nos dada como dom de Deus e ela deve ser celebrada. Sim, a vida deve ser vivida no temor do Senhor, mas deve ser vivida. Não adianta só trabalhar e não gozar do fruto do nosso trabalho e também do tempo que o Senhor nos dá nesta terra.

“Ainda que o homem viva muitos anos, regozije-se em todos eles, contudo deve lembrar-se de que há dias de trevas, porque serão muitos. Tudo quanto sucede é vaidade. Alegra-te, jovem, na tua juventude, e recreie-se o teu coração nos dias da tua mocidade; anda pelos caminhos que satisfazem o teu coração e agradam aos teus olhos; sabe, porém, que de todas estas coisas Deus te pedirá conta.”
Eclesiastes 11:8-9

Guarde esse conselho de Salomão. Viva a vida com intensidade, mas procure sempre glorificar a Deus em tudo quanto fizer e o faça com temor e tremor.

Eu te convido hoje não para celebrar a festa da carne, mas sim, para Celebrar a Festa da Vida, a vida abundante que está em Jesus Cristo (João 10:10).

Deus te abençoe!

Sérgio Müller

E-mail: sergio.muller@superig.com.br

O Corpo Fala Mais do Que Você Imagina

  Basear-se no corpo para compreender o que as palavras não estão dizendo.

 A linguagem do corpo é uma maneira misteriosa e não-verbal das pessoas comunicarem inconscientemente o que estão realmente pensando. A importância dessa linguagem corporal para os profissionais de vendas reside no fato de que muitos clientes, na verdade, têm inseguranças ou relutam em comunicar abertamente suas intenções. Então você tem que basear-se no corpo para compreender o que as palavras não estão dizendo.

        O que torna a linguagem não-verbal complicada é que ela deve ser considerada dentro do contexto da situação e do seu relacionamento com o cliente. Também são importantes as características pessoais de comportamento.

        Peguemos como exemplo um prospect que esteja de braços cruzados: se fosse um tipo ‘analítico’, isso não me incomodaria muito. Agora, se alguém do estilo ‘amigável’ fizer isso, com certeza podemos recomendar certa cautela.

        E se o prospect estiver rígido e inflexível? Algumas pessoas podem agir naturalmente dessa maneira, mas se for alguém do tipo ‘expressivo’, e ele estiver se fechando todo, ficando cada vez mais passivo ou rígido, mais uma vez recomendamos cautela.

        Tendo dito isto, aqui estão algumas regras básicas - apresentadas por Tim Connor, presidente do Connor Resource Group, amplamente aceitas, de tipos comuns de comportamento (e o que significam - ou seja, o que o cliente está pensando ou sentindo):


Abertura
- Mãos abertas
- Tirar o casaco, paletó
- Aproximar-se
- Inclinar-se para a frente
- Descruzar as pernas
- Braços cruzados suavemente sobre as pernas

Entusiasmo
- Pequenos sorrisos ou risadas
- Corpo firme e ereto
- Mãos abertas, braços estendidos, olhos alertas
- Voz bem modulada e com energia

Defesa
- Corpo rígido
- Braços/pernas cruzados fortemente
- Contato visual reduzido
- Lábios contraídos
- Cabeça baixa, com queixo sobre o peito
- Punhos cerrados
- Dedos entrelaçados sobre braços cruzados
- Jogar-se para trás na cadeira

Raiva
- Corpo rígido
- Punhos cerrados
- Lábios fechados com força
- Contato visual continuado
- Pupilas dilatadas
- Cenho franzido
- Respiração rápida

Alerta
- Inclinar-se para a frente
- Colocar as mãos sobre as coxas
- Corpo relaxado mas rosto alerta
- Ficar em pé com mãos na cintura, pés levemente separados

Avaliação
- Cabeça levemente inclinada para o lado
- Sentar na ponta da cadeira e inclinar-se para a frente
- Mão na parte da frente do queixo ou na bochecha
- Coçar o queixo ou a barba

Nervosismo
- Limpar a garganta
- Morder (lábios, unha, dedo, etc.)
- Cobrir a boca quando fala
- Puxar o lóbulo da orelha
- Abrir os olhos
- Caretas
- Contorcer mãos ou lábios
- Boca entreaberta
- Brincar com objetos
- Ficar trocando o peso de uma perna para a outra (quando em pé)
- Tamborilar dedos
- Ficar mexendo o pé
- Assobiar

Rejeição ou dúvida
- Coçar o nariz
- Coçar os olhos
- Franzir o cenho
- Pernas e braços cruzados
- Corpo em posição de ‘fuga’
- Limpar a garganta
- Esfregar as mãos
- Levantar as sobrancelhas

Suspeita
- Pouco contato visual
- Resistência a olhar ‘olho no olho’
- Ficar olhando para os lados ou por sobre o ombro
- Coçar o nariz
- Ficar olhando por sobre os óculos

Confiança, autoridade
- Jogar-se para trás na cadeira com as mãos atrás da cabeça
- Postura orgulhosa
- Cabeça alta, com queixo levantado
- Contato visual firme, sem piscar


Precisando ser reconfortado
- Ficar beliscando a mão
- Esfregar gentilmente um objeto pessoal (anel, relógio, etc.)
- Roer unhas
- Examinar as cutículas


Frustração
- Mãos apertadas firmemente
- Balançar punhos fechados
- Respiração curta porém controlada
- Olha ‘através’ de você
- Passar as mãos no cabelo
- Bater os pés no chão

Chateado, indiferente
- Mãos ‘segurando’ a cabeça
- Olhos sonolentos
- Postura relaxada demais (largada)
- Ficar mexendo com pés, mãos, dedos
- Balançar as pernas
- Olhar vazio
- Pouco contato visual
- Boca ‘mole’  


        Lembre-se: a linguagem corporal por si só conta somente uma parte da história. Você deve misturar isso com o conhecimento do ‘jeito’ do cliente (como se comporta, que tipo de pessoa é, etc.), e só então decidir que atitude tomar.

        Este é também um excelente exercício em grupo. Reuna-se com outros vendedores e discutam que tipo de resistência encontram normalmente.

        Como é que os clientes reagem fisicamente? Em que parte da venda isso geralmente ocorre? Como lidar positivamente, e de maneira eficiente, com essa situação?

        Só de falar sobre o assunto já dá uma reunião motivadora - e muitas dicas interessantes podem aparecer.

        E da próxima vez que alguém disser que ouvir é a parte mais importante da venda, lembre-se que o corpo fala também.


 O corpo fala

O formato dos quadris, a largura dos ombros, o tamanho dos seios e a presença ou não de celulite e estrias têm significados diferentes que correspondem ao modo de ser de cada pessoa. Aprenda a desvendá-los
Você sabia que mulheres de seios grandes são acolhedoras e protetoras e que as de bumbum proeminente são autoritárias e individualistas? Pois acredite: seu corpo fala, basta ficar atenta. "A linguagem corporal é uma técnica que analisa de que forma nossa mente projeta na silhueta características de como encaramos o mundo a nossa volta", explica a especialista Cristina Cairo, do Instituto Linguagem do Corpo, em São Paulo. 
Utilizando conhecimentos da medicina oriental (que acredita na força das emoções), da medicina psicossomática (que mostra como a mente desencadeia algumas doenças) e da neurolingüística (ciência que estuda a influência da linguagem sobre o cérebro e o comportamento), a expert garante que é possível fazer um mapa da nossa estrutura e, a partir dele, traçar a personalidade de um indivíduo. "Você pode se autoconhecer, se compreender e melhorar aspectos da sua vida profissional e pessoal", diz Cristina, autora do livro Linguagem do Corpo 1 e 2 (Editora Mercuryo).
Decifre sua forma física
O significado isolado de cada parte do contorno ajuda a entender as pessoas, mas é a leitura completa - que abrange todos os pedacinhos, do pé até o cabelo - que mostra realmente como elas são e quais suas angústias. Pronta para descobrir o que seu corpo tem a dizer?

BUMBUM ACHATADO
Quem se encaixa nesse grupo aparenta ter uma personalidade forte, mas na realidade é muito insegura emocionalmente e vive sob o comando alheio, se anulando constantemente. É carente, tem medo da solidão e teme tomar suas próprias decisões. Costuma abrir mão de suas vontades para agradar aos outros na tentativa de mantê-los por perto.

BUMBUM GRANDE
Em geral as popozudas são autoritárias e defendem os seus prazeres em primeiro lugar. Impõem suas vontades e não ligam para o que os outros vão dizer. Individualistas e um tanto quanto narcisistas, acreditam que o mundo tem que girar ao seu redor.

SEIOS GRANDES 
Mãezona, essa é a principal característica das donas de seios avantajados. Esse tipo de mulher gosta de proteger e acolher os que a cercam, atende às necessidades dos que a solicitam, mas se magoam facilmente.

SEIOS PEQUENOS
Independência e liberdade são as palavras-chave desse time composto por aquelas que não aceitam ficar presas a absolutamente nada. Sempre se colocam em primeiro lugar e são tidas como autoritárias e egoístas.


QUADRIS LARGOS
Essas mulheres também são maternais e protetoras, porém mais sensuais e atraem instintivamente o sexo oposto, pois os homens as vêem como parceiras ideais para ter filhos e um relacionamento duradouro. Se apresentar ombros estreitos, não brigará por seu espaço. Já se o ombro for largo, haverá um conflito entre os sentimentos de cuidar do próximo e querer viver livremente. 

QUADRIS ESTREITOS
Segura de si e ousada, não teme lutar pelo que quer. Se os ombros forem da mesma largura dos quadris ou mais largos, sua independência será acentuada. Mas atenção: tanto furor pode levar a uma auto-sabotagem no campo amoroso, fazendo com que só atraia homens que não querem compromisso para não perder a liberdade. Se apresentar ombros estreitos, ficará em dúvida entre ser ou não independente. 
BARRIGA SALIENTE
Quem as tem costuma ser rebelde e teimosa, entretanto falta atitude para resolver os problemas. A conseqüente frustração leva ao acúmulo de sentimentos mal resolvidos na região do abdômen. Como diz a expressão, esse tipo de pessoa vive empurrando as coisas com a barriga.

CULOTE 
Simboliza assuntos pendentes com o pai ou o companheiro. Em geral, esses homens são ou foram figuras repressoras ou ausentes na vida da mulher. É o caso de um pai ou marido que viaja demais a negócios e nunca está em casa convivendo com a sua família.
CINTURA 
Se for fina, mostra a flexibilidade e a facilidade que a mulher tem para lidar com diferentes situações, daí o termo jogo de cintura. Se houver um acúmulo de gordura no local (como um pneuzinho), indica desequilíbrio emocional, capaz de torná-la mais agressiva ou prepotente. 

QUEIXO RETRAÍDO 
Geralmente são pessoas muito inseguras e reprimidas. Chegam até a usar um tom de voz mais alto quando querem fazer valer sua vontade, mas basta que alguém as contradiga para que acatem a decisão dos outros. 


QUEIXO PROGNATA 
Quem tem essa parte do rosto projetada para a frente tende a falar tudo o que quer ou lhe vem à cabeça. Não levam desaforo para casa e tampouco consideram se o que dizem pode ou não ferir os sentimentos dos outros.






PANTURRILHA 
A batata da perna grossa revela uma mulher batalhadora e esforçada, que faz tudo o que for preciso para atingir seus ideais. Já quem tem a região fininha costuma hesitar na busca de seus sonhos por medo de errar. Precisa sempre de um estímulo para seguir em frente.


BRAÇOS GROSSOS 
Eles simbolizam ambições e conquistas, que podem ser materiais ou afetivas. O excesso de gordura no local indica uma vontade de abraçar o mundo para controlá-lo. Mas essas características podem ter origem no medo da solidão. 

DENTES 
Um sorriso alinhado mostra que a pessoa tem uma meta definida na vida. Quando os dentes da frente, que simbolizam os pais, são encavalados, é sinal de que um genitor pode estar invadindo o espaço do outro. Já quando se encontram separados, indica quem tem pais divorciados ou que continuam casados por conveniência.


NARIZ 
Os formatos mais comuns são adunco e arrebitado. O primeiro revela uma pessoa egocêntrica e prepotente, que quer ser o centro das atenções, tanto que seu nariz aponta para ela mesma. O segundo denota orgulho e teimosia. 





O significado dos problemas estéticos
Assim como o tamanho ou o formato das partes do corpo, os males que comprometem a beleza também revelam traços da personalidade. Confira: 

CELULITE
O mal é definido pela medicina estética como o resultado do acúmulo de toxinas no organismo. E o estudo da linguagem corporal acredita que essas toxinas são provenientes da retenção de sentimentos como mágoas, nervosismo e raiva. Seria uma forma de a mulher se punir por não ter coragem de assumir o que quer. Portanto, o primeiro passo para se livrar da celulite é varrer os ressentimentos para fora e tentar compreender que cada um tem seu jeito de ser. 

ESTRIAS 
Nesse caso, a pele representa como nos comunicamos com o mundo. Ter muitas estrias significa, então, uma grande dificuldade para se expressar. 

ACNE 
Quem apresenta espinhas tem uma visão pessimista da vida. São muito críticas consigo mesmas e com os outros. Não é à toa que o problema surge na adolescência, fase em que os jovens se sentem incompreendidos pelo mundo e cheios de conflitos. 

PAPO
Aceitar críticas não é o forte de quem tem esse problema estético, tanto que essas pessoas reagem agressivamente quando alguém as avalia de forma negativa. Fazem tudo certo para não correr o risco de ser repreendidas. 

FLACIDEZ 
Indica falta de força de vontade e de iniciativa para tocar a vida em frente. Em geral, quem sofre com esse mal não enfrenta desafios e vê dificuldade em realizar a mais simples tarefa. 

VASINHOS E VARIZES 
A má circulação sanguínea, origem das varizes e do rompimento dos vasos, revela que o fluxo das vontades e dos pensamentos está paralisado. A pessoa se sente presa a determinada situação e frustrada com sua vida, mas não tem coragem de mudar por acreditar que deve aceitar as coisas como elas são. 

UNHAS ROÍDAS 
O hábito denuncia ressentimento e mágoa de pais ausentes ou repressores. 


UM GESTO DIZ TUDO!
A forma de andar e de se comportar mostra como você está se sentindo em relação à determinada situação. Veja só...
Manter a bolsa sobre o colo durante uma conversa em vez de pendurá-la ou colocá-la em outro lugar passa a impressão de desconforto com a situação. 

Fique atenta ao cruzar as pernas. Se a ponta dos seus pés estiverem apontadas para a pessoa que está com você, é sinal de interesse no assunto. Se, ao contrário, ficarem no sentido oposto, indica que você não vê a hora de sair dali.

 Quem anda com as costas curvadas e os ombros arqueados passa a idéia de cansaço e depressão, como se carregasse um fardo. Já costas retas e peito projetado para a frente mostra segurança e uma certa dose de narcisismo, dando até a sensação de arrogância.
 Mexer no cabelo durante um bate-papo com o sexo oposto quer dizer que você está querendo seduzi-lo. Quando acaricia almofadas ou outras superfícies macias, como a de um sofá, por exemplo, deixa claro o desejo por um contato mais íntimo com o parceiro.







Veja como são interpretadas certas expressões corporais: 
• Mãos sobre a mesa: Dedicado aos negócios. Querendo negociar. “Vamos direto ao assunto.” Demonstração de sinceridade e honestidade (braços abertos, mãos abertas e palmas para cima).

• Mãos juntas sobre o colo ou estômago: Um gesto de proteção.

• Mãos nos quadris: Provocativo ou duro. Entretido ou ansioso para entrar no assunto principal. Esse gesto também pode indicar antagonismo ou desafio.

• Mãos nos bolsos: Estar em contato com o próprio corpo. Ter as mãos enfiadas num pequeno vão é reconfortador. Busca de equilíbrio frente a uma possível insegurança.

• Assumindo o controle: A palma da mão voltada diretamente para o chão Quando você diz, corporalmente, à outra pessoa, que deseja assumir o controle no encontro que se seguirá. Não é necessário que a palma da mão esteja voltada diretamente para o chão, mas ela deve estar inclinada em relação à palma da mão da outra pessoa.

• O igual: Aperto de mão firme, com as duas palmas permanecendo na posição vertical, cada uma das pessoas transmitindo sentimento de respeito e harmonia à outra.

• O toque do nariz: Controlando um pensamento negativo ou uma mentira. Pode ser uma ligeira esfregada ou um toque rápido e quase imperceptível. A mentira causa formigamento nos delicados terminais nervosos do nariz, provocando o toque no nariz.

• Esfregar o olho: Tentativa de bloquear a falsidade, dúvida ou mentira que vê, ou evitar olhar o rosto da pessoa para quem está contando a mentira. Neste último caso, olha-se para o lado ou para o chão.

• Esfregar a orelha: Tentativa do ouvinte de bloquear as palavras ouvidas, colocando a mão ao redor e sobre a orelha. Variações: esfregar a parte de trás da orelha, o dedo indicador puxando o lóbulo da orelha ou dobrando-a para frente.

• Tomada de decisão: O gesto de esfregar o queixo é um sinal de que o ouvinte está tomando uma decisão.

• Braços cruzados na frente do corpo: Indicam uma variedade de significados, dependendo da situação. Pode ser uma forma de se resguardar, de se proteger ou de mostrar medo, timidez, força ou poder (uma fortaleza). Como também uma pessoa com os braços cruzados pode, simplesmente, ser fria. De uma forma geral demonstra uma posição defensiva.

• Mãos fechadas demonstram atitude hostil: Se além dos braços cruzados, a pessoa também fechar as mãos, isso indica uma atitude hostil e defensiva, uma posição de ataque.

• Gesto padrão de pernas cruzadas: Pode indicar uma postura nervosa, reservada ou defensiva. Em geral, é um gesto de apoio que ocorre junto com outros sinais negativos, e não devem ser interpretados isoladamente ou fora do contexto.

• Perna cruzada e presa: Sinal de uma pessoa perspicaz obstinada, com uma postura dura e firme, enquanto argumenta ou debate. Sua resistência provavelmente só será quebrada através de uma aproximação especial.

• Inclinar-se para a frente ou recostar-se na cadeira: Aproximar o corpo pode significar um gesto de amizade ou interesse (“Fale-me mais”). Encostar-se na cadeira indica urna diminuição de interesse (“Deixe-me pensar no que você acaba de dizer”) ou até de indiferença.

• Tenho todas as respostas, mas também quero argumentar: O gesto de ambas as mãos atrás da cabeça é típico das pessoas que se sentem confiantes ou superiores. Muitas pessoas ficam irritadas quando alguém se dirige a elas com essa postura. As pernas cruzadas representam a posição de competição ou de querer argumentar idéias.

• Gestos cruzados: De qualquer tipo, braços ou pernas, é sempre um gesto de confinamento, de proteção, um modo de fechar o circuito e bloquear a comunicação.

• Gestos vagarosos e deliberados: Essa pessoa está se acalmando, controlando as idéias antes de atacar um ponto com firmeza. É um planejador.

• Falta de movimento: Uma pessoa que mantém o corpo imóvel procura se internar em si mesma, esperando que ninguém repare nela, ou também pode estar ouvindo ou planejando silenciosamente. Pode ainda estar cauteloso ou de olho no cargo que você ocupa. Essa pessoa precisa ser olhada com cuidado.

• Gestos abertos e fechados: Geralmente os gestos abertos são confiantes, enquanto os fechados indicam corte e retraimento.

• Virar de frente e virar de costas: Mesmo que apenas uma parte do corpo, os ombros por exemplo, vire para você, significa que você está sendo incluído na conversa ou na situação. No entanto, se a pessoa lhe voltar as costas, indica exclusão.

• Erguer a cabeça: Manter a cabeça erguida é um sinal de interesse, de estar aberto e receptivo à opinião dos outros.

• Ilustrar com objetos ou com o corpo: Se alguém usa objetos sobre a mesa para sublinhar alguma coisa que está dizendo, é do tipo expansivo e sabe o que quer, mesmo que tente não se envolver muito. Essas pessoas são realistas, não são sonhadoras. Se usam os dedos e as mãos para ilustrar, estão próximas das idéias, alimentando-as, acalentando-as e tentando tocá-las. Possuem um modo bem pessoal de ver as coisas.

• Encostar-se em alguma coisa: Essa pessoa precisa de contato com seu ambiente e sente conforto em estar com outras pessoas.

• Evitar troca de olhares: As pessoas que reagem desta forma são inseguras de si mesmas e estão com medo de você.



A análise acima foi feita para  o caso de entrevistas de emprego, mas e quanto à minha postura dentro da igreja????
 O corpo fala. Através das expressões corporais, revelamos coisas interessantes. 
Como revelamos o que estamos sentindo através de nossa postura no culto. 
Por exemplo: O que dizemos quando nos ajoelhamos? 
Quando sentamos relaxadamente no banco? 
Quando cruzamos os braços durante o sermão? 
Quando mascamos chiclete?
Pense bem e, se for o caso, mude sua atitude já! 

O corpo fala, e não mente na patologia
Quando sentimos uma dor seja ela qual for, a última coisa que pensamos é que ela é um aviso de nosso corpo nos alertando que em algum setor de nossa vida existe alguma coisa errada. Mas é isso, toda e qualquer dor ou alteração no nosso organismo, tenha ela surgido naturalmente ou em decorrência de acidentes, têm como origem um desajuste no campo emocional. 
Existem situações na vida com as quais dizemos, aprendemos a conviver, porém são situações que nos incomodam, que não resolvemos nem aceitamos. A convivência inadequada com tais situações, mais dias menos dias, vai alterando o estado emocional da pessoa e essas alterações vão pouco a pouco refletindo no seu estado psicológico, apresentando sintomas de depressão, síndrome do pânico, etc.. Outra forma de manifestação desses desequilíbrios é a somatização no corpo físico em forms de dores e outros desajustes orgânicos.
Por isso é muito importante aprendermos a conhecer bem nosso corpo, estando atentos às alterações que ele apresenta, pois ele nos diz exatamente onde estamos falhando e em que precisamos mudar. Como diz o título da matéria o corpo fala, e não mente. Vamos então conhecer com maiores detalhes um pouco da linguagem do corpo.

Hérnia de disco: significa que a pessoa está profundamente indecisa quanto à sua vida. Sente-se totalmente desamparada e seus pensamentos a deprimem, pois não possibilitam que ele encontre saída param essa situação. A hérnia de disco é a forma de impedir a articulação da coluna. Ela mostra , simbolicamente o quanto a pessoa se sente amarrada, o quanto os movimentos estão presos e essa dificuldade é gerada porque o apoio necessário para a movimentação não é encontrado. Então, simbolicamente, isso ocorre quando a pessoa não recebe apoio de alguém, no momento em que mais precisa.

Enxaqueca e dor de cabeça: As pessoas que sofrem de enxaqueca têm um orgulho muito forte e não permitem que pessoas autoritárias mandem em sua vida ou controlem seus passos. Resistem a tudo e a todos que, conforme elas acreditam, queiram invadir seu espaço vital. São pessoas que não se entregam aos prazeres, pois receiam serem dominados de alguma forma. Normalmente têm medo do sexo ou de suas conseqüências, devido à limitações morais, religiosas, familiares, etc.
Se você se identifica nesta situação, solte-se e deixe seu coração falar. Não use a razão somente, pois devemos equilibrar os dois hemisférios (razão e emoção), para evitarmos esses conflitos internos e suas somatizações. Suavize seus pensamentos, amenize seus sentimentos, permita-se sentir alegria.

Alergia na pele: significa que a pessoa está vivendo momentos de irritação com as pessoas próximas e que atrasam seu desenvolvimento pessoal e profissional. Quando ela se vê obrigada a fazer o que não gosta, persuadida por pessoas de quem depende de alguma forma, surgirá, com certeza, coceira incessante significando o desejo inconsciente de arrancar aquilo que incomoda profundamente.
Pare de se sentir contrariado. Se você está passando por isso é porque, de alguma forma, procurou. Saia dessa sem ressentimentos, pois ninguém sabe quando está causando alergia em alguém. Passe a se expressar melhor. Seja objetivo e tire a culpa do seu coração. Eduque-se a não deixar que seu espaço seja ameaçado. Diga abertamente tudo que o incomoda pois tudo pode ser falado desde que seja com respeito e determinação. Analise-se e perceba se você consegue, humildemente, mudar um pouco mais o seu jeito de falar com as pessoas e o trato consigo mesmo. O mundo à sua volta só ira mudar se você mudar primeiro.

Labirintite: Significa pensamentos atrapalhados, nervosismo reprimido, o efeito de um golpe emocional, a necessidade de liberdade para pensar e agir, a sensação de falta de amor, sentimentos de solidão, dificuldade para expressar-se, e estar tonto com tantos problemas emocionais, e sentir-se desamparado e teimar em continuar tentando pelos velhos caminhos que nunca deram certo. Pare de tentar achar uma saída. Pare de fazer de conta liberte-se das amarras que o sufocam colocando seus sentimentos em primeiro lugar. Pare de se anular, aja com humildade mas seja firme em suas decisões.

Artrite: Representa um coração cheio de críticas e ressentimentos por pessoas que não valorizam seus esforços. Pessoas com esse tipo de inflamação são as que, às vezes, perdem tempo questionando em pensamentos os porquês das atitudes das pessoas. Não conseguem sentir que são amadas e geram conflitos de carência. Costumam culpar os outros pelo mal que as aflige. Essas pessoas precisam desligar-se do passado através do perdão.

As alterações do corpo podem ainda causar desequilíbrio da condição interna do organismo. Vejamos alguns exemplos:

Pele amarelada: indica possíveis disfunções do fígado e vesícula biliar, como no caso da icterícia.

Pele cinza-azulada: indica fragilidade ou dificuldade do fígado e pâncreas para executarem suas funções.

Pele muito vermelha: possíveis disfunções cardíacas e respiratórias como na expansão capilar nas faces, ou pressão sangüínea anormal.

Mãos e pés frios: excesso de açúcar, frutas e bebidas geladas. Desordens digestivas e excretórias, bem como do sistema nervoso.

Inchaço generalizado de pés e mãos: ingestão excessiva de líquido, gordura, especialmente causado por frutas, sucos, laticínios. Desordens no aparelho circulatório e reprodutor. 
Assim como esses muitos outros sinais podem ser dados por nosso corpo. Em alguns casos são simples sinais de alerta para pequenas alterações, em outros porém podem ser verdadeiros pedidos de socorro para desequilíbrios que não sabemos ou não admitimos ter. Por isso a necessidade de mantermos sempre a alimentação, repouso e atividades em níveis equilibrados, procurando conhecer o melhor possível nosso corpo, estando sempre atentos para o que ele possa estar querendo nos dizer.

compilação e organização: Pr Jose IADRN
http://prjoseiadrn.blogspot.com/2012/02/o-corpo-fala-mais-do-que-voce-imagina.html

FOGE COM TEU FILHO

http://extremezine.thecenturions.net/wp-content/uploads/2011/07/familia.jpg

Quase todo mundo conhece a história do nascimento de Jesus; que não havia lugar para José e Maria nas hospedarias, que Jesus nasceu numa manjedoura, que os anjos anunciaram seu nascimento aos pastores que viviam nos campos e que Jesus recebeu presentes dos viajantes.

Há, porém, uma parte desta história que, apesar de impressionante, é muito pouco conhecida: a fuga deles para o Egito. Como é que eles conseguiram escapar das mãos do Rei Herodes?

Para você entender a profundidade e as implicações deste fato, imagine que você mora num país dirigido por um ditador com poder de vida e morte sobre a população. Imagine, também, que, com a ajuda do governador do seu estado, do prefeito da sua cidade, do exército, da polícia e do serviço de inteligência, este ditador estivesse procurando os seus filhos para os matar, quais as chances deles escaparem com vida?

Era mais ou menos esta a situação da família de Jesus, mas, milagrosamente, eles conseguiram escapar. Por isso, esta história merece a nossa atenção, pois contém lições vitais para as famílias, especialmente para os pais que estão preocupados com a vida e o futuro de seus filhos.

“Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia, em dias do rei Herodes, eis que vieram uns magos do Oriente a Jerusalém. E perguntavam: Onde está o recém-nascido Rei dos judeus? Porque vimos a sua estrela no Oriente e viemos para adorá-lo.

Tendo ouvido isso, alarmou-se o rei Herodes, e, com ele, toda a Jerusalém; então, convocando todos os principais sacerdotes e escribas do povo, indagava deles onde o Cristo deveria nascer. Em Belém da Judéia, responderam eles, porque assim está escrito...

Com isto, Herodes, tendo chamado secretamente os magos, inquiriu deles com precisão quanto ao tempo em que a estrela aparecera. E, enviando-os a Belém, disse-lhes: Ide informar-vos cuidadosamente a respeito do menino; e, quando o tiverdes encontrado, avisai-me, para eu também ir adorá-lo.

Depois de ouvirem o rei, partiram; e eis que a estrela que viram no Oriente os precedia, até que, chegando, parou sobre onde esta o menino. E, vendo, eles a estrela, alegraram-se com grande e intenso júbilo. Entrando na casa, viram o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se, o adoraram; e; abrindo os seus tesouros, entregaram-lhe suas ofertas: ouro, incenso e mirra.

Sendo por divina advertência prevenidos em sonho para não voltarem à presença de Herodes, regressaram por outro caminho a sua terra.

Tendo eles partido, eis que apareceu um anjo do Senhor a José, em sonho, e disse: Dispõe-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito e permanece lá até que eu te avise; porque Herodes há de procurar o menino para o matar.

Dispondo-se ele, tomou de noite o menino e sua mãe e partiu para o Egito; e lá ficou até a morte de Herodes...

Vendo-se iludido pelos magos, enfureceu-se Herodes grandemente e mandou matar todos os meninos de Belém e de todos os arredores, de dois anos para baixo, conforme o tempo do qual com precisão se informara dos magos. Então se cumpriu o que fora dito por intermédio do profeta Jeremias: Ouviu-se um clamor em Rama, pranto, choro e grande lamento; era Raquel chorando por seus filhos e inconsolável, porque não mais existem”.

Tendo Herodes morrido, eis que um anjo do Senhor apareceu em sonho a José, no Egito, e disse-lhe: Dispõe-te, toma o menino e sua mãe e vai para a terra de Israel; porque já morreram os que atentavam contra a vida do menino. Dispôs-se ele, tomou o menino e sua mãe e regressou para a terra de Israel. Mt 2.1-21

Quem era este Herodes, rei terrível? Como se tornou rei dos judeus? O que a história nos conta sobre este homem? Bem, Herodes não era exatamente um rei, mas, sim, um procurador romano (com poderes de um rei).

Foi nomeado Procurador da Judéia em 47 a.C. Nesta época, a nação de Israel estava debaixo do poderio do Império Romano e era costume dos romanos nomear como Procurador alguém do próprio local (desde de que atendesse aos interesses do império romano, é claro).

Mas, apesar de ter cidadania judaica, Herodes não era judeu; ele era edomita, descendente de Edom, um povo que havia sido derrotado e levado à força ao judaísmo por um general judeu, João Hircano, em 130 a.C.

Aproveitando-se dos plenos poderes que Roma lhe concedeu, Herodes resolveu vingar a derrota sofrida pelo seu povo 83 anos antes. E sua vingança foi macabra. Para poder aproximar-se da família de João Hircano, Herodes casou-se com uma das suas descendentes e foi assassinando seus parentes, um por um. Por fim, matou a própria esposa e os filhos que teve com ela, extinguindo da face da Terra aquela importante família de heróis do povo judeu.

Mas, sua loucura não se limitou ao sangue de seus inimigos; mandou matar Antípatre, seu filho com outra esposa, para que ele não dividisse o reino com seu irmão. Matou, ainda, dezenas de outras pessoas. E providenciou para que, após a sua morte, todos os nobres da corte do rei fossem assassinados de uma só vez, para que “não houvesse falta de lágrimas” por ocasião do seu enterro. Era um homem sanguinário, insano e obcecado pelo poder e por vingança.

Ao saberem que este lunático queria matar o menino Jesus, José e Maria não perderam um só minuto. Fugiram para longe, para o Egito, para salvar suas próprias vidas e a vida de seu filho. Mas, a pergunta que eu fiz no início ainda precisa de respostas: “Como é que esta família pobre, com um recém-nascido nos braços, conseguiu escapar da fúria de um rei inescrupuloso como Herodes?”.

Esta história tem muitas lições para nós, pais, pois nossos filhos também estão correndo perigo, se não tão grandes, muito parecidos em alguns aspectos com os perigos enfrentados por José e Maria.

Sem medo de errar, podemos traçar um verdadeiro paralelo entre os perigos que Herodes representava para o menino Jesus e o próprio Satanás.

A Bíblia descreve o diabo como “o príncipe deste mundo”; um assassino, aquele que “... anda ao redor como leão que ruge, buscando a quem possa tragar”; aquele que veio somente para “matar, roubar e destruir”. Ele já matou e muita gente, e ainda matará.

Valendo-se da inexperiência da juventude e da necessidade natural que eles têm de se integrar a um grupo da sua idade, Satanás está, literalmente, fazendo armadilhas e matando os nossos filhos; eles estão sendo aliciados, alienados, enganados, confundidos, atropelados, acidentados, drogados, estuprados, esfaqueados – todos os dias, centenas morrem. Em porta de bar, bailão, boate, festinha de garagem, briga de rua, briga de gangue, briga de nada, roda de fumo, de álcool, de pó ou de pedra, em discussões e sem discussões, com motivo e sem motivo – todos os dias, centenas morrem.

Todos os dias, nos noticiários, podemos ver as mães “chorando por seus filhos e inconsoláveis porque não mais existem”.

Ficamos em casa com “o coração na mão”, quando eles saem à noite ou quando, mesmo de dia, demoram a voltar para casa.

Mas, a boa notícia que esta história nos traz, é que os pais não precisam ficar passivos nesta história, apenas torcendo ou rezando para que eles voltem são e salvos.

É possível interferir, interagir, participar, de um jeito certo e seguro. Todas as lições desta história incrível podem ser resumidas numa única frase, curta e grossa. A mesma frase que o anjo falou para José em sonho:

FOGE COM TEU FILHO!

Mas, o que significa isso? Significa que não podemos afastar nossos filhos da sociedade, não podemos colocá-los numa redoma de vidro, não podemos escondê-los para sempre debaixo das nossas asas, mas, podemos mantê-los afastados das armadilhas que Satanás já preparou para eles.

Como? Do mesmo jeito que fizeram José e Maria. Preste atenção nos detalhes desta história:

1. JOSÉ E MARIA ESTAVAM LIGADOS EM DEUS
- Maria viu o anjo de Deus e conversou com ele.
- José recebeu preciosas instruções do anjo de Deus, enquanto dormia.

Certa vez fui ao enterro de uma jovem, esfaqueada numa festinha de garagem. Fiquei muito impressionado com tudo, mas, o que mais me choca ainda hoje é quando me lembro do lamento e do remorso de sua mãe, que, chorando, repetia várias vezes: “Meus Deus, que arrependimento... alguma coisa estava me avisando para não deixá-la sair ontem”.

Pais, se liguem em Deus. “Coisa” não fala, não avisa. Quem avisa, é Deus. Quem fala, é Deus. Quem alerta dos perigos que nossos filhos estão correndo, é Deus. É Deus, que ama nossos filhos tanto quanto nós.

Da próxima vez que “alguma coisa” estiver alertando-os, parem, ajoelhem-se, peçam instrução a Deus e, nem que tenham que arrumar uma briga com seus filhos, expliquem para eles o quê vocês estão sentindo e não permitam que saiam para aquele encontro, passeio ou festa.
FOGE COM TEU FILHO!


2. JOSÉ E MARIA ESTAVAM LIGADOS UM AO OUTRO
Havia uma cumplicidade entre eles. Esta cumplicidade aparece desde o anúncio da gravidez de Maria, e fica em relevo quando foi para fugir para o Egito. Já que tinham algo a fazer, fizeram juntos, sem reservas, sem adiamentos, sem ‘mas’ nem ‘porém’, sem opiniões divididas.

Nossos filhos ficam confusos que há duas vozes de comando dentro de casa. Um diz ‘sim’, o outro diz ‘não’. Eles até se aproveitam desta fraqueza do casal, jogam um contra o outro e os manipula para conseguir o que querem.

Pais, sejam mais que marido e mulher. Sejam cúmplices. Formem um time, uma equipe, um exército de dois. Caminhem juntos. Seus filhos se sentirão muito mais seguros percebendo que há união e unidade no casal e não ficarão tentados a manipulá-los. Quando houver um ‘não’, que seja do casal; quando houver um ‘sim’, a mesma coisa.
FOGE COM TEU FILHO!


3. JOSÉ E MARIA ESTAVAM LIGADOS AO FILHO
Deus lhes deu aquela criança para que cuidassem dela até que ela estivesse em condições de enfrentar a vida sozinho. Anos mais tarde, Jesus enfrentou o próprio diabo – e o venceu na tentação do deserto. Antes de sua morte na cruz, enfrentou sozinho Pilatos e o neto de Herodes.

Criá-los é tarefa difícil, mas temos que ser responsáveis por nossos filhos até que eles crescem, em todos os sentidos. Mesmo que algum deles te diga: “-Eu não sou mais criança”, ele ainda é uma criança e não sabe se defender sozinho. Nem Jesus, o próprio Filho de Deus, sabia se defender sozinho enquanto ainda era uma criança.

Nossos filhos são a missão que Deus nos deu na face da Terra. Se os perdemos, além do sofrimento insuportável, teremos que carregar o peso da derrota, pois teremos falhado como pais.

Liguem-se aos seus filhos. Conversem com eles. Ensine-os a enxergar os perigos da vida. Ensine truques a eles, para escapar das armadilhas de Satanás, coisas práticas como, por exemplo: “-Filho, se teu amigo quiser dirigir depois de ter ingerido bebida alcoólica, não entre no carro. Telefone para mim, que eu vou te buscar. Seja a hora que for”. Perca uma hora de sono, mas não perca seu filho num acidente estúpido.

Acima de tudo, porém, ensine-os a depender de Deus. Ensine-os a orar, a pedir a proteção divina. Ensine-os que não é vergonha ter fé, mesmo que seus amigos pensem ao contrário.

A maior herança que os pais podem deixar para os filhos é a educação. Eduque seus filhos para a vida profissional, mas, por favor, eduque-os ainda mais para a vida espiritual.
FOGE COM TEU FILHO!


4. JOSÉ E MARIA ERAM REALISTAS
Eles não tinham dúvida alguma de que Herodes iria matar Jesus, se colocasse suas mãos nele.

Muitos casais perderam seus filhos porque não se deram conta que a desgraça pode acontecer em qualquer casa, em qualquer família. Parece que para eles as coisas ruins só podiam acontecer com o filho do vizinho, nunca com os seus filhos, até que um dia...

Pais, acordem! Neste exato momento há um traficante tentando viciar seu filho, e ele não está longe. Talvez esteja lá naquela esquina onde seu filho fica até tarde da noite, ou dentro da escola, na sala de aula ou até mesmo dentro de casa, pela Internet.

Neste exato momento alguém pode estar induzindo seu filho a beber, fumar, cheirar, ‘picar’, ‘transar’, prostituir, roubar, mentir. E, este alguém nem sempre é um estranho. Pesquisas confirmam que a maioria das meninas que sofreram violência sexual na infância foram estupradas por pessoas de confiança da família, incluindo parentes.

O diabo é cheio de truques e tem muitos auxiliares que, em troca de um punhado de moedas ou de um minuto de prazer, irá trair sua confiança e destruir sua família.

Não precisam se transformar em pais neuróticos, mas, sejam realistas! Procurem antever o perigo real de cada situação. Não existe mais ‘festinha inocente’. O mal se espalhou. Você não pode manter seus filhos numa redoma, mas pode – e deve – ensiná-los a ver o perigo para se proteger.
FOGE COM TEU FILHO!


5. JOSÉ E MARIA ERAM OBEDIENTES À VOZ DE DEUS
- Deus disse: “Foge para o Egito”. Eles obedeceram.
- Depois, Deus disse: “Agora voltem, mas, evitem passar pela Judéia e vão morar em Nazaré”. Eles obedeceram, novamente.

Alguns pais estão ligados em Deus e já aprenderam a ouvir sua voz, mas não obedecem. Deus dá uma ordem, mas, eles fazem diferente.

Deixam-se levar pelos pedidos ou pelas reclamações de seus filhos ou ficam preocupados com a opinião dos outros e fazem tudo errado: cedem quando deveriam ser firmes ou proíbem quando deveriam permitir.

Se quisermos salvar nossos filhos temos que aprender que às vezes é preciso “fugir para o Egito”, mas, noutras vezes, é preciso voltar e enfrentar a vida de frente.

Nossos filhos são como nós, aprendem com seus próprios erros. Se eles não enfrentarem certas situações, jamais irão crescer, jamais serão responsáveis e maduros.

Tem pais que adotam um padrão. Uns sempre dizem ‘sim’ aos filhos; outros sempre dizem ‘não’. Isto não é inteligente. Não existe uma resposta pronta para todas as situações da vida. Mas, como saber quando dizer ‘não’ e quando dizer ‘sim’? Peçam orientação a Deus e obedeçam à Sua voz.

Às vezes uma "Retirada Estratégica" é melhor; noutras vezes, "O ataque é a melhor defesa".
FOGE COM TEU FILHO!


6. JOSÉ E MARIA DEPENDIAM DE DEUS
Mesmo que você converse muito com seus filhos. Mesmo que eles tenham aprendido tudo o que você sempre lhes ensinou. Mesmo que você os tenha preparado para as mais diversas armadilhas que o diabo já colocou no caminho deles, sempre haverá um truque novo, um golpe que ainda não foi aplicado, uma conversa ‘fiada’ que eles não conseguirão discernir, uma sedução irresistível, uma situação que você não imaginou e que, devido a inexperiência deles, os deixarão em dificuldade.

Conheci excelentes casais que preparam seus filhos do melhor jeito que sabiam, mas, ainda assim, infelizmente, vieram a perdê-los. Não foi culpa deles. Como eu disse, o diabo tem muitos truques; a maioria destes truques são tão antigos quanto a raça humana, mas, alguns, são novos. E muitos caem.

Por isso eu recomendo aos pais: não confiem apenas no que vocês ‘passaram’ para seus filhos. Mantenham sua própria vida espiritual em ordem. Confiem em Deus. Depositem seus filhos aos pés de Jesus.

Orem por seus filhos; orem pelos amigos de seus filhos; orem por seus relacionamentos amorosos; orem pelos lugares que eles freqüentam; orem pelos filhos dos outros que lá estão também; orem, inclusive, pelos inimigos dos seus filhos.

Depois, deitem e durmam em paz, na dependência de Deus. Uma vez que vocês os tenham colocado nas mãos de Deus, creia de todo o coração que o Pai está no comando.
FOGE COM TEU FILHO!
Conclusão
Como José e Maria conseguiram salvar seu filho das mãos de Herodes, este terrível rei?
- Eles estavam ligados em Deus.
- Eles estavam ligados um ao outro.
- Eles estavam ligados ao filho.
- Eles eram realistas.
- Eles eram obedientes à voz de Deus.
- Eles dependiam de Deus.

Façamos o mesmo!
Venha, vamos pedir sabedoria e disposição a Deus. Vamos pedir que Ele nos ensine quando devemos "Fugir com nossos filhos" e quando devemos enfrentar as situações que a vida nos impõe.

Deus seja louvado!

Autor: Pr Franco

http://www.sitedopastor.com.br/mensagens/foge.htm

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

"Beleza Não põe a Mesa!"

http://4.bp.blogspot.com/-p1iesN0TF74/TyqG8psI0AI/AAAAAAAAAiQ/7E-qYWjIZGA/s1600/o+jovem+e+o+mundo.jpg
Base Bíblica: PV 31:30
Que valores a mídia tem transmitido? O que tem sido ensinado às mulheres de hoje? Em que referencial de mulher as meninas tem se espelhado?
Alguns valores da mídia tem norteado a vida das mulheres, como:
Preciso ser bela a qualquer custo (drogas, remédios, laxantes, distúrbios).
- A felicidade está num corpo belo e magro
- Só serei aceita se for bela
E vou mais além, a crença incutida nas mentes é de que beleza, fama e dinheiro são mais importantes do que caráter.
Basta observar as celebridades de hoje, roubam, trapaceiam, traem, uma prostituta escreve um livro e se torna famosa, dançarinas se insinuam em trajes que desvalorizam a mulher e recebem muito mais reconhecimento do que uma mulher que empenha sua vida em construir algo de valor, que estuda, ensina, ama e tem caráter.
O conceito de beleza no mundo moderno se desprendeu das manifestações interiores,pouco importa o que você é por dentro, as pessoas passaram a ser valorizadas pelo o que elas possuem ou possam impressionar esteticamente, em detrimento ao que elas são. O ter ocupou o lugar do ser. Em razão disto vemos um procura em massa pelas clínicas de estética. São homens e mulheres que sentem necessidade de se transformarem fisicamente (chegando muitas vezes a pôr a saúde em risco), não só para se sentirem bem, mas principalmente para atenderem a uma exigência social.
Eu li um artigo de uma jornalista chamada Rosana Hermann que expressa muito bem esta realidade, segue agora um trecho do artigo.
Uma coisa é saúde outra é obsessão. O mundo pirou, enlouqueceu.
Hoje, Deus é a auto imagem.
Religião é dieta.
Fé, só na estética.
Ritual é malhação.
Amor é cafona, sinceridade é careta, pudor é ridículo, sentimento é bobagem.
Gordura é pecado mortal.
Roubar pode; envelhecer, não.
Estria é caso de polícia.
Celulite é falta de educação.
A máxima moderna é uma só: pagando bem, que mal tem?"
Hoje em dia as mulheres só pensam em ter, em conquistar, em ser a melhor, em viver melhor do que as outras, de ser mais bela que a outra, quando olha para outra mulher diz que já sabe se gosta dela ou não, apenas em um contato visual? E diz: “Não fui com a cara dela”. Na verdade ela se sentiu afetada de alguma maneira, o ego dela não suporta ser inferior a outra, não suporta aceitar que alguém é mais bonita, é mais magra, é mais isso, mais aquilo.
Acabamos sendo egoístas, queremos sempre mais, e nos esquecemos até da irmã que esta ao nosso lado, pensamos tanto em nós mesmas, que o queremos é o que importa, se temos dinheiro na mão, queremos comprar, comprar e comprar, temos milhares de sapatos, mas mesmo assim precisamos de mais um. Você repara sempre que sua irmã vem com o mesmo, comenta, pensa tanta coisa a respeito dela, mais o seu egoísmo, a sua vaidade, te impede de ter compaixão, de ter amor, e de tomar uma atitude de deixar de ter, mas começar a dar.
É melhor dar, do que receber.
Como é difícil abrir mão de algo que já é seu! Não é mesmo? Mesmo sabendo que alguém precisa, não conseguimos enxergar a necessidade de alguém, por que eu não posso ficar sem? Amar alguém é muito fácil, quando você não precisa abrir mão de algo que é teu, de algo que você adquiriu com tanto esforço. Sabe quando você prova que o importa é o seu caráter e não o exterior, quando você aprende a fazer isso aqui. Abre mão do que é teu, mesmo que tenha lhe custado muito esforço. (dar algo)! Isso é difícil? Não! Então eu te desafio, ainda hoje abra mão de algo seu e abençoe alguém. Ame através de atitudes! Seja generosa! Passe a pensar nas pessoas com mais frequência.

Enfim, esta é a realidade que nos circundam, esses valores bate na minha e na sua porta todos os dias tentando-nos a acreditar que esta é a maneira que temos de viver. O que é ser belo aos olhos de Deus?
E muitas mulheres de Deus tem se perdido, cuidando somente daquilo que as pessoas podem ver, as aparências, esquecendo-se do chamado que Deus tem para toda a mulher, o de edificar.
Jesus, certa vez, advertiu os fariseus a respeito destas coisas.
Mt 23:25-28 “Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês limpam o exterior do copo e do prato, mas por dentro eles estão cheios de ganância e cobiça. Fariseu cego! Limpe primeiro o interior do copo e do prato, para que o exterior também fique limpo. Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês são como sepulcros caiados: bonitos por fora, mas por dentro estão cheios de ossos e de todo tipo de imundície. Assim são vocês: por fora parecem justos ao povo, mas por dentro estão cheios de hipocrisia e maldade.”

Mulheres:
Perguntem-se a si mesmas; O que existe por detrás da maquiagem?
Deus está preocupado com o que você é por dentro, você não vai levar nada do que você investir neste corpo para a eternidade (silicone, escova progressiva, lifting), mas somente o que você investir no espírito.
Gl 5:8b “quem semeia para o Espírito, do espírito colherá a vida eterna.”
As mulheres estão vazias, gerando outras ainda mais vazias, o que será da nova geração?
Todo este esforço estético tem um único objetivo, o reconhecimento humano, estasmulheres querem ser elogiadas, mas olha o que a palavra de Deus diz: Abra em:
Pv 31:30 “A beleza é enganosa, e a formosura é passageira; mas a mulher que teme ao Senhor será elogiada.
Tem mulheres que se descabelam preocupadas “com que roupa eu vou, eu mesma já ouvi que mulheres deixam de comparecer a cultos e eventos da igreja alegando que não tem roupa. Misericórdia!!!
Pense bem: você passa mais tempo preocupada em como se apresentar no culto do que com o que você vai apresentar a Deus?
Sabe com que vestidos o Senhor quer que você se vista?
Pv 31:25 “A força e a dignidade são seus vestidos, e, quanto ao dia de amanhã, não tem preocupações.”
dignidade = modo de proceder que infunde respeito, grandeza moral, honra, autoridade, decência, decoro.
Irmã, saiba que uma mulher digna impressiona muito mais do que um rosto bonito. Não somente a Deus, mas também ao marido, filhos, amigos.
Um ditado antigo diz “quem busca uma perfeita fragrância em frascos bonitos pode encontrar um péssimo odor”.
Uma pessoa fútil, ainda que bonita, logo se tornará um enfado para quem convive com ela.Esposas, não pensem vocês que a aparência garante tudo no casamento. Solteiras, não pensem também que garante amizades ou um bom emprego. O amor de verdade não se baseia em aparências. Amar é diferente de desejar.
Pedro orientou as mulheres da seguinte forma:
1 Pe 3:3 “A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e jóias de ouro ou roupas finas. Ao contrário, esteja no seu interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranqüilo, o que é de grande valor para Deus.”
Agora sim, entendemos o padrão de beleza estabelecido por Deus às mulheres:
Temor a Deus (obediência)
Força e dignidade
Espírito dócil e tranquilo
E ainda tem mais uma receita de beleza
Pv 15:13 “O coração alegre aformoseia o rosto, mas com a tristeza do coração o espírito se abate.”
Você, assim como eu, precisa do Espírito Santo para manifestar esta beleza. Vamos clamar a Deus que nos revista de Cristo.
Apelo: Ler Ef 4:22-32
1 Sm 16:7 “Não considere a sua aparência nem sua altura, pois eu o rejeitei. O Senhor não vê como o homem (mulher): o homem (a mulher) vê a aparência, mas o Senhor vê o coração.”

 Pra.Bruna Luiza!

Enviado por email pela minha amiga  Neli Martins

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

SALVOS POR UM COPO DE LEITE!



http://1.bp.blogspot.com/_XaP22fZeBjw/SocpsvN9clI/AAAAAAAAAWk/AYYJqpB6tEI/s320/copo_de_leite.jpgUm dia, um rapaz pobre que vendia mercadorias
de porta em porta para pagar seus estudos,
estava com muita fome e só lhe restava uma pequena moeda no bolso.
Decidiu, então, que ao invés de tentar vender,
iria pedir comida na próxima casa;
porém seus nervos o traíram quando
uma encantadora jovem lhe abriu a porta.
Em vez de comida, pediu um copo de água.
A mulher percebeu que ele estava com fome
e lhe deu um grande copo de leite. Ele bebeu devagar e depois lhe perguntou:
- Quanto lhe devo?
- Não me deve nada - respondeu ela.

E continuou:
- Minha mãe sempre nos ensinou a ajudar as pessoas.
- Pois te agradeço todo coração, a você e à sua mãe.
O rapaz saiu daquela casa não só refeito fisicamente,mas também com sua fé renovada em Deus e nos homens.
Ele já havia resolvido abandonar os estudos
devido às dificuldades financeiras que estava passando,mas aquele gesto de bondade o fortaleceu.
Anos depois, essa jovem mulher ficou gravemente doente. Os médicos locais estavam confusos.
Finalmente a enviaram à cidade grande, para se tratar.
O médico de plantão naquele dia era o Dr. Howard Kelly, um dos maiores especialistas do país naquela área.
Quando escutou o nome do povoado de onde ela viera,uma estranha luz encheu seus olhos e de pronto foi ver a paciente.
Reconheceu-a imediatamente e determinou-se
a fazer o melhor para salvar sua vida, passando
a dedicar-lhe atenção especial.
Contudo, nada lhe disse sobre o primeiroencontro que tiveram no passado.
Depois de uma terrível batalha, eles finalmente venceram aquela enfermidade.
Ao receber alta, ela teve medo de ver a conta do hospital, porque imaginava que levaria o resto da sua vida para pagar por aquele tratamento tão caro e demorado.
Quando, finalmente, abriu a fatura, seu coração se encheu de alegria com estas palavras:
"Totalmente pago - há muitos anos - com um copo de leite
- ass.: Dr.Howard Kelly."
Só então ela se lembrou de onde conhecia aquele médico.

"Na vida nada acontece por acaso.
O que você faz hoje, pode fazer a diferença em sua vida amanhã."

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

"CHORA, MAS CONTINUA CAMINHANDO"

O título desta postagem é uma frase dita por uma secretária chamada Sandra às suas colegas de trabalho, quando tentavam se salvar de um incêndio ocorrido em edifício comercial no centro de Taubaté (SP), no dia 4 de fevereiro de 2.011. Ao se verem cercadas pelo fogo e pela fumaça tóxica, aquelas mulheres se desesperaram e, paralisadas, só gritavam e choravam muito. Num brado cheio de autoridade e determinação, Sandra disse àquelas mulheres que até podiam chorar, mas que continuassem caminhando. Foi o que fizeram e todas se salvaram.

Este fato me fez refletir sobre as tantas e tantas vezes que, direta ou indiretamente, o Senhor Deus me disse a mesma coisa, quando estive em meio a tribulações terríveis. Quantas vezes só chorei, sem forças para lutar e prosseguir! Quantas vezes me vi cercada por "labaredas", sem a menor visibilidade, sem saída nenhuma, mas em um dado momento a voz do Senhor me apontou o caminho, levantei os olhos, vi a saída e uma força sobre natural me fez reagir e dar a volta por cima!

Muitas vezes Deus usa pessoas ao nosso redor para nos transmitir o seu recado e devemos estar atentos a isto. Temos que diariamente pedir ao Senhor que nos dê o discernimento necessário para saber diferenciar o recado que vem dEle,  porque o diabo nos assedia constantemente, trazendo palavras de derrota.  Aquelas mulheres paralisadas e em desespero estavam sob o domínio do medo, uma sensação transmitida pelo diabo. Elas certamente morreriam ali, não fosse a intervenção de Deus, através de Sandra. Quando Deus fala, o diabo se cala, porque a voz do Senhor é forte e poderosa!

Então hoje aqui eu quero fazer como fez Sandra: Digo a todas vocês, minhas leitoras que eu amo tanto: VOCÊS PODEM ATÉ CHORAR, MAS CONTINUEM CAMINHANDO! Não entreguem os pontos, não desistam da luta, descruzem os braços, não se autoflagelem e nem vivam de murmurações, porque pra tudo há uma saída sempre.

Meditem na força que tem A VOZ DO SENHOR em SALMOS 29: 

"Dai ao Senhor, ó filhos dos poderosos, dai ao Senhor glória e força.
Dai ao Senhor a glória devida ao seu nome, adorai o Senhor na beleza da santidade.
A voz do Senhor ouve-se sobre as suas águas; o Deus da glória troveja; o Senhor está sobre as muitas águas.
A voz do Senhor é poderosa; a voz do Senhor é cheia de majestade.
A voz do Senhor quebra os cedros; sim, o Senhor quebra os cedros do Líbano.
Ele os faz saltar como um bezerro; ao Líbano e Siriom, como filhotes de bois selvagens.
A voz do Senhor separa as labaredas do fogo.
A voz do Senhor faz tremer o deserto; o Senhor faz tremer o deserto de Cades.
A voz do Senhor faz parir as cervas, e descobre as brenhas; e no seu templo cada um fala da sua glória.
O Senhor se assentou sobre o dilúvio; o Senhor se assenta como Rei, perpetuamente.
O Senhor dará força ao seu povo; o Senhor abençoará o seu povo com paz."