Páginas

quarta-feira, 5 de junho de 2013

A ARTE DO DESENCORAJAMENTO!


http://windmillsbyfy.files.wordpress.com/2012/05/placa-pessimismo-black-book-mexe-tumblr_lyfbnk4mph1r7w4fto1_500.gif

Você é do tipo de pessoa que vê o ponto preto no lençol branco? Que vê a metade vazia do copo? Você se sente desconfortável quando alguém se anima muito com algum projeto ou programa?

Com um pequeno esforço você pode tornar seu desencorajamento numa forma de arte. Veja alguns exemplos

Quando seus amigos ficam animados com a distribuição de alimento ao pessoal que mora na rua e convida você e alguns de seus colegas, você diz: “grande coisa, muita gente sai por ai distribuindo comida”.

Um grupo de conhecidos tem uma banda que vai se apresentar num espaço cultural você desanima todo muito que foi convidado: “Essa banda não faz a minha cabeça, acho que vocês não vão gostar…” Qualquer mudança no trabalho, mesmo que seja pra melhor receberá um comentário seu como este: “Ah, isso nunca vai dar certo! Já tentamos mudar outras vezes… Vamos ver quanto tempo vai durar este entusiasmo de vocês.”

Olha, meu amigo, você está a caminho de tornar-se um craque em entornar bacias de água fria nos outros.

Uma outra maneira de desencorajar é afirmar o que de pior pode acontecer. “Os diretores nunca aprovarão o seu plano!” ou “É muita areia pro nosso caminhãozinho.” Chame a atenção para o quanto as pessoas estão ocupadas, enfatize o fato que a maioria das pessoas nunca responde a nada, fale bastante sobre os perigos.


Pratique os sinais não verbais como franzir as sobrancelhas, suspirar profundamente, levantar os ombros – você até pode praticar num espelho. Use todas estas técnicas em momentos oportunos, como por exemplo, quando todo mundo ao seu redor está animado com uma festa da firma no fim-de-semana. Se nada disso acabar com o entusiasmo do pessoal você pode dizer: “Não vai adiantar fazer esta festa, nunca conseguiremos uma união perfeita. Lá todo mundo vai fingir-se de amiguinho, na segunda-feira tudo volta ao normal.”

Não há nada de errado em analisar os prós e contras das situações que surgem em nossas vidas, errado é concentrar-se no negativo e desestimular os outros. O mundo precisa de pessoas que incentivem, que valorizem os que querem fazer algo pra tornar o escritório um melhor lugar, o clube, a escola, a igreja, a cidade.

A Bíblia, em várias lugares, diz que devemos encorajar uns aos outros. O próprio Jesus foi um encorajador por excelência. Somos chamados a “edificar” uns aos outros.

Se por alguma razão você é sempre compelido ao olhar o lado ruim, cuidado, você pode estar sendo aquele chato, freio-de-mão, que está impedindo o crescimento das pessoas ao seu redor e o seu próprio.

* Texto escrito por Hedy Silvado, e publicado no boletim VidaNet.

Bom, tenho que confessar que muitas vezes eu sou assim, sempre vendo o lado ruim das coisas. Ainda bem que sempre há pessoas para puxarem as nossas orelhas, não é mesmo?

Deus te abençoe!

Sérgio Müller
E-mail: sergio.muller@superig.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um blogueiro feliz. Comente.
Sua opinião é importante.
Obrigada.