Páginas

terça-feira, 20 de maio de 2014

CONFUSÃO BÍBLICA



Conta-se que certo caipira estava no seu trabalho rotineiro, num canavial, quando, de repente, viu brilhar três letras no céu: VCC

Muito religioso, o caipira julgou que aquelas letras significavam "VAI, CRISTO CHAMA". Fiel à visão correu ao pastor de sua Igreja e contou-lhe o ocorrido, concluindo que gostaria de devotar o restante de sua vida à pregação do evangelho.

O pastor, surpreso diante do relato, disse:
___ Mas para pregar o evangelho, é preciso conhecer a Bíblia. Você conhece a Bíblia o bastante para sair pelo mundo pregando a sua mensagem?

___ Claro que sim! - Disse o homem.

___ E qual é a parte da Bíblia que você mais gosta e conhece?

___ As parábolas de Jesus, principalmente a do bom samaritano.

___ Então, conte-a! - Pede o pastor, querendo conhecer o grau de conhecimento bíblico do futuro pregador do evangelho.

O caipira começa a falar:
___ Descia um homem de Jerusalém para Jericó, e caiu entre os salteadores. E ele lhes disse: Varões irmãos escutem-me: Não tenho prata em ouro, mas o que tenho, isso te dou. E entregou-lhes os seus bens, e a um deu cinco talentos, e a outro, dois, e a outro, um, a cada um segundo a sua capacidade. E partindo dali foi conduzido pelo Espírito ao deserto, e tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, teve fome, e os corvos alimento lhe traziam, pois se alimentava de gafanhoto e mel silvestre. E sucedeu que indo ele andando, eis que um carro de fogo o ocultou da vista de todos. A rainha de Sabá viu isso e disse: "Não me contaram nem a metade".
Depois disso, ele foi até a casa de Jezabel, a mãe dos filhos de Zebedeu, e disse: "Tiveste cinco maridos, e o homem que agora tens, não é teu marido". E olhando ao longe, viu a Zaqueu pendurado pelos cabelos numa árvore e disse: "Desce daí, pois hoje almoçarei na tua casa".
Veio Dalila e cortou-lhe os cabelos, e os restos que sobraram foram doze cestos cheios para alimentar a multidão. Portanto, não andeis inquietos dizendo: "Que comeremos?", pois o vosso Pai celestial sabe que necessitais de todas essas coisas. “E todos os que o ouviram se admiraram da sua doutrina.”

O caipira, entusiasmado, olhou para o pastor e perguntou:
___ E então, estou pronto para pregar o evangelho?

___ Olha, meu filho - disse o pastor - eu acho que aquelas letras no céu não significavam: "Vai, Cristo Chama". Antes, deveriam ser lidas: "VAI CORTAR CANA".

Moral da Historia: Um conhecimento superficial da Bíblia pode causar muita confusão.

(Recebi por e-mail e não sei a fonte ou a autoria.)

sábado, 3 de maio de 2014

A BICICLETA DE DEUS!


Em uma noite quente de verão tardio, um jovem foi falar com um velho sábio: "Mestre, como posso ter certeza que eu estou gastando minha vida direito? Como posso ter certeza de que tudo que faço é o que Deus me pede para fazer?"
O velho sábio sorriu satisfeito e disse: "Uma noite eu fui dormir com o coração muito aflito, eu estava tentando, sem sucesso, de responder a essas perguntas, foi então, que eu tive um sonho...
Sonhei uma bicicleta com dois selins. Vi que a minha vida era como uma corrida de bicicleta para duas pessoas: Uma bicicleta tandem. E vi que Deus estava sentado no selim atrás de mim e me ajudava a pedalar.
Mas aconteceu que Deus me disse para trocar de lugar, eu concordei... Mas a partir desse momento a minha vida nunca mais foi a mesma. Deus tinha transformado a minha vida feliz e emocionante.
Mas, o que aconteceu desde que trocamos de lugar?
Percebi que quando eu estava dirigindo, eu sabia o caminho. E tudo era descontado, chato e previsível.
Mas quando Deus começou a guiar, tudo era diferente. Ele conhecia lindos atalhos, subindo as montanhas, por lugares rochosos em alta velocidade. Eu continuava sentado no selim... E tudo era maravilhoso!
O vento no rosto e Deus que continuava a dizer: 'Pedala, pedala!'
Às vezes me preocupei e quando fiquei ansioso perguntei: 'Senhor, mas para onde estás me levando?'
Ele apenas sorriu e não respondeu.
Entretanto, eu não sei como, comecei a confiar. Logo eu esqueci da minha vida 'chata' e entrei na aventura. E quando eu dizia: 'Senhor, estou com medo... ', Ele se voltava para trás, tocava a minha mão e imediatamente uma grande serenidade substituía o medo.
Ele me levou a pessoas com dons de que eu precisava, presentes de aceitação, cura e alegrias. Elas deram seus presentes para levar comigo ao longo do caminho. A minha viagem, ou seja, de Deus e minha. E partimos.
Deus me disse: 'Entregue os presentes, são bagagem a mais, muito peso'.
Então, comecei a doar os presentes às pessoas que encontrávamos e percebi que em dar presentes era eu que recebia e o nosso fardo era mais leve.
No começo eu não confiava nEle, no comando da minha vida. Pensei que levaria ao desastre. Mas Ele conhecia os segredos da bicicleta, sabia como incliná-la para lidar com curvas fechadas, pular para superar lugares cheios de pedras, voar para encurtar os caminhos difíceis.
E eu estou aprendendo a ficar calado e a pedalar nos lugares mais estranhos e eu começo a apreciar o panorama ao redor e a brisa fresca no rosto com um maravilhoso companheiro de viagem: meu Deus!
E quando eu tenho certeza de não aguentar mais para prosseguir em frente, de não consigo avançar Ele apenas sorri e diz: 'Não se preocupe, EU guio, você pedala!' "
É uma história que nos encoraja ao abandono confiante nos braços de Deus.
A vida é como pedalar uma bicicleta: você só cai se parar de pedalar.
Autor Desconhecido!
Deus te abençoe!
Sérgio Müller
E-mail: sergio.muller@superig.com.br

Árvore de descanso


Leitura: Esdras 9:5-9
...sobrevive um remanescente segundo a eleição da graça. —Romanos 11:5
A árvore solitária no campo à frente de meu escritório permanecia um mistério. Grandes quantidades de árvores haviam sido cortadas para que o fazendeiro pudesse plantar milho. Mas uma árvore permanecia em pé com seus longos galhos espalhados. O mistério foi revelado quando descobri que a árvore foi poupada por um propósito. Havia muito tempo, os fazendeiros deixavam, por tradição, uma árvore plantada para que eles e seus animais tivessem um lugar fresco para descansar quando o calor do sol do verão estivesse muito forte.
Em certos momentos, percebemos que mais ninguém além de nós sobreviveu a algo, e não sabemos o porquê. Soldados voltando do combate e pacientes que sobreviveram a uma doença letal lutam para saber porque sobreviveram, enquanto outros não.
O Antigo Testamento fala dos sobreviventes a quem Deus poupou quando a nação foi enviada ao exílio. Os sobreviventes preservaram a lei de Deus e mais tarde reconstruiu o templo (Esdras 9:9). O apóstolo Paulo referia-se a si mesmo como parte do remanescente de Deus (Romanos 11:1,5). Ele foi poupado para tornar-se o mensageiro de Deus aos gentios (v.13).
Se permanecemos em pé onde outros já caíram, é para que ergamos nossas mãos aos céus em louvor e abramos nossos braços fazendo sombra para o cansado. O Senhor nos capacita para sermos uma árvore de descanso para outros.
—JAL
A esperança pode ser acesa com uma fagulha de encorajamento.
 
NOSSO ANDAR DIÁRIO/NOSSO PÃO DIÁRIO
02/05/2014
http://ministeriosrbc.org/2014/05/02/%C3%A1rvore-de-descanso/